top of page
  • Foto do escritorgigatron

O que é um Plano de Contas e Como Fazer o Seu

Além de contribuir para a organização das finanças de uma empresa, um plano de contas também é uma obrigação que muitas companhias têm com a Receita.

Cuidar de um negócio pode ser uma tarefa desafiadora - e, às vezes, organizar as contas pode ser até mais complicado do que faturar ou vender. E justamente para quem precisa arrumar a casa, o plano de contas é uma das ferramentas mais importantes.


O plano de contas é um instrumento contábil tão simples quanto relevante, sendo ele uma forma de organizar despesas, receitas, bens e dívidas que a empresa tem.


O que é um plano de contas?


Um plano de contas é um sistema que muitas empresas utilizam para organizar sua saúde financeira ou contábil, reunindo em um só lugar, cinco itens bem importantes:

  • Custos

  • Receitas

  • Despesas

  • Ativos

  • Passivos

O principal objetivo de um plano de contas é dar visibilidade e auxiliar na compreensão dos custos e retornos das operações e atividades que acontecem ao longo de um determinado período.


O plano de contas auxilia os gestores que precisarem emitir diversos relatórios importantes, como balancetes, demonstrativos de resultado do exercício (DRE) ou demonstrativos de fluxo de caixa (DFC).


Quais são os tipos de planos de contas?


Existem ao menos 3 tipos de planos de contas que as empresas podem adotar na sua operação - e eles possuem algumas diferenças entre si.


Plano de contas contábil


Sendo o mais comum de todos, esse é um documento utilizado como base para relatórios obrigatórios, como o balanço patrimonial. Além disso, é o único plano que deve seguir obrigatoriamente as regras contábeis, seguindo as normas brasileiras de contabilidade.


Plano de contas referencial


Também conhecido como plano de contas referencial ou PCRR, ele segue uma padronização. No entanto, ela é elaborada pela Receita Federal, uma vez que as empresas aderiram à Escrituração Contábil Fiscal (ECF) precisam entregar de forma exata os seus saldos.


Plano de contas gerencial


Considerado o mais flexível, o plano de contas gerencial serve para controle interno dos gestores. Sem obrigações e normas, ele tem a função de orientar empreendedores, executivos e até mesmo o time sobre a situação financeira da companhia, facilitando a gestão financeira da empresa.


Mesmo sem obrigatoriedade, é recomendado que este plano de contas utilize divisões e subdivisões para que nenhum dado ou valor fique de fora.


36 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page