• Dotbank

Pix: Banco Central promete saque no comércio e compras offline para 2021

O Banco Central anunciou as novas funcionalidades do Pix, entre elas estão: o pagamento offline e saque de cédulas no comércio. Com isso, o Pix terá novas funcionalidades a partir do primeiro semestre de 2021.

O Bacen (Banco Central) anunciou que será possível realizar as transações offline e também o saque Pix, que vai permitir que o cidadão possa sacar cédulas em comércios cadastrados.


Além disso, o Bacen aproveitou e reforçou que o sistema de pagamento deverá continuar gratuito para pessoas físicas, quando o envio de recursos tem a finalidade de transferência e compra e o mesmo acontece para receber um Pix com o objetivo de transferência.


Desta forma, para pessoa física, somente duas situações poderão ser tarifadas: o primeiro acontece quando o usuário faz um Pix utilizando o canal de atendimento presencial ou pessoal - o próprio banco - e a segunda situação ocorre quando a pessoa exerce atividades comerciais. Por exemplo, o caso de vendedores pessoas físicas que recebem Pix devido à venda de produtos ou serviços.


Já para as pessoas jurídicas, o preço-base do Pix é de um centavo a cada dez transações. Ainda no caso de pessoa jurídica, a instituição detentora da conta do cliente pode cobrar tarifa em decorrência de envio e de recebimento de recursos com as finalidades de transferência e de compra.


O modelo de precificação (custo fixo ou percentual) e os valores das tarifas podem ser livremente definidos pelas instituições.



Saque


É uma funcionalidade importante que está prevista para o primeiro semestre do ano que vem. De acordo com Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, o foco está nas cidades menores, onde a população não tem fácil acesso às agências bancárias.


“O cashback é super importante, porque, conversando com lojistas e o pessoal do comércio ampliado, há muitas cidades que não têm caixas eletrônicos ou agências bancárias. É para facilitar a vida das pessoas”, diz Campos Neto.

Trata-se de uma conveniência para o consumidor e é interessante para o estabelecimento comercial, porque reduz o custo com gestão e segurança.



Outras funcionalidades


O Banco Central ressaltou que segue uma agenda evolutiva, com novas funcionalidades que entrarão, como o Pix Programado, função comparada ao cartão de crédito pelo diretor de organização do sistema financeiro e resolução do Bacen, João Manoel Pinho de Mello. Com o intuito de desburocratizar as transações e tornar o processo acessível, mesmo para a população que não tem fácil acesso à internet, o Bacen também trouxe mais novidades sobre o Pix Offline. A ação está prevista para o primeiro semestre de 2021, mas ainda sem uma data anunciada.


O Bacen explica ainda, que essa agenda evolutiva será uma espécie de QR Code offline, ou seja, o pagador irá iniciar o pagamento mesmo sem conexão com a internet. A ponta recebedora, por sua vez, precisará estar conectada. Logo, um recebedor, que geralmente será uma loja ou comércio, já está conectado.


“Isso está previsto para acontecer dentro das próximas ações da agenda evolutiva, não temos uma data certa, mas é considerado algo relevante, como mais uma funcionalidade relevante para a sociedade brasileira”, diz Carlos Eduardo Brandt, chefe-adjunto do departamento de competição e estrutura do mercado financeiro do Bacen.

E aí, gostou do conteúdo? Compartilhe!

4 visualizações

CONTATO FRANQUEADORA

comercial@dotbank.com.br

(18) 98146-0077

Atendimento das 9h às 17h (dias úteis)

Gigatron: Rua Liberdade, 1503

Jardim São Cristóvão • Birigui • SP 16200-374

CNPJ: 03.368.152/0001-30

Mantenedora: Gigatron

© 2020 Dotbank. Todos os Direitos Reservados.